Entenda os principais riscos de ter um banheiro úmido

O banheiro é tradicionalmente o cômodo mais úmido da casa, o que pode oferecer diversos riscos a saúde, como a possibilidade de contrair doenças respiratórias, já que o ambiente contribui para o crescimento de mofo e bolor, se agravando em épocas mais frias.

Mais quais são os principais riscos de ter um banheiro úmido?

A umidade faz com que haja uma grande produção de mofo, causando esporos, que são partículas que piaram no ar e pode agravar quadros alérgicos, como rinite, asma, além de causar tosse seca, dores de cabeça e transmitir bactérias.

É preciso ter cuidado com as toalhas de banho também, que tendem a não secar por completo, pois estão em um banheiro úmido. A toalha molhada contribui para que os micro-organismos façam a festa. Com isso, podem surgir problemas na pele, cabelos e até mesmo em partes íntimas. Os riscos são ainda maiores para os grupos de pessoas mais vulneráveis, como bebês, crianças e grávidas.

A solução para o banheiro úmido

Para evitar a umidade no banheiro procure manter o lugar arejado, com janelas abertas sempre que possível. Quando não houver oportunidade, uma boa dica são os aquecedores de toalhas, que mantêm o ambiente mais seco. Além disso, esses aquecedores são a opção perfeita para o problema de toalhas molhadas, como citado anteriormente, pois ele garante que elas sequem rapidamente e evita a proliferação de micro-organismos.

Nem sempre pensamos em todos os problemas que a umidade pode trazer, mas buscar soluções para o problema é essencial para manter a boa saúde de todos na casa.